23.3.12

Silêncios de chumbo


(Chema Madoz)

«Quando os nazis levaram os comunistas, não protestei, porque, afinal, eu não era comunista. Quando levaram os social-democratas, não protestei, porque, afinal, eu não era social-democrata. Quando levaram os sindicalistas, não protestei, porque, afinal, eu não era sindicalista. Quando levaram os judeus, não protestei, porque, afinal, eu não era judeu. Quando me levaram a mim, já não havia ninguém que protestasse.» 

Martin Niemöller

(Recordado aqui, a propósito de uns senhores musculados que andaram por aí à bastonada.)
.

3 comments:

meirelesportuense disse...

Senhores musculados, pelo que ouvi na Televisão, com o recurso a asteróides...Anabolizantes ou anestesiantes, não sei.
-Só sei que há muita cobardia naquelas agressões, especialmente por aqueles que se dirigem às mulheres, as agridem e recuam de imediato, como se pôde ver perfeitamente na televisão...
A Polícia é necessária, mas não para reprimir a população especialmente quando esta protesta com razão e legalmente.
Se há indivíduos que exageram nos protestos e fazem estragos que prejudicam alguém, então que sejam identificados e responsabilizados esses, mas bater sem reservas nos que se manifestam, apenas porque a multidão atira uns piropos ou um copo de plástico aos Polícias -ainda por cima, armados de pistolas e cacetétes e resguardados com capacetes, viseiras e fardas almofadadas- é ir além das suas competências, no mínimo...

Rogério Pereira disse...

Só? Só senhores musculados que andaram por aí à bastonada? Os senhores musculados não são recrutados, instruídos, comandados?

E os movimentos espontâneos? E os efeitos disto aqui ? Violência espontânea como resposta a movimentos espontâneos?

Joana Lopes disse...

Não sei se entendo o seu comentário, Rogério, mas, desculpe que lhe diga, o texto que linka não tem pés nem cabeça!
O que é isso de «Movimento dos Indignados», aqui e agora? Há vários movimentos sociais que estiveram presentes nas manifestações de ontem, juntos e separados. E daí?