Páginas

19.11.15

Assassinos sanguinários



Ricardo Araújo Pereira na Visão de hoje:

«Depois de mais de uma centena de pessoas ter sido assassinada por estar a ouvir música, a jantar num restaurante ou a ver um jogo de futebol, ainda ninguém veio chamar a atenção para o modo como o comportamento das vítimas ofendeu os fundamentalistas islâmicos. (...)

O comunicado no qual o estado islâmico reivindicou o atentado dizia que Paris rinha sido escolhida por ser "a capital do vício", que o Bataclan era um alvo por ser o sítio onde estavam reunidos "centenas de pagãos", que os terroristas tinham aberto fogo sobre "um ajuntamento de incréus" e que os araques continuarão "enquanto continuarem a ofender o nosso profeta".»

Na íntegra AQUI.
.

0 comments: