Páginas

6.4.16

06.04.2011 – Bem-vinda, Troika



«Vale a pena relembrar o 6 de abril de 2011. Um marco que viria a condicionar a vida de todos até aos dias de hoje. (…)

Ao final da tarde, numa entrevista ao Negócios, o então ministro das Finanças deixava cair a bomba: “Perante esta difícil situação, que podia ter sido evitada, entendo que é necessário recorrer aos mecanismos de financiamento disponíveis no quadro europeu em termos adequados à atual situação política.” (…)

Cinco anos depois, a dívida pública está mais elevada, famílias e empresas continuam super endividadas e os bancos fragilizados, as contas públicas não estão controladas, o desemprego continua alto (e a subir), a taxa de poupança não para de descer e a economia teima em crescer muito pouco, ou nada. A grande diferença é que o BCE abriu os cofres e lançou sobre a economia europeia um programa de compra de dívida que permite manter os juros controlados. O Negócios escreve hoje que este programa do BCE só dura até ao final do ano.»

João Vieira Pereira, Expresso curto, 06.04.2016
.

0 comments: