Páginas

28.4.16

A indecência merece mais respeito



Ricardo Araújo Pereira na Visão de hoje: 

«Um amigo assusta-se e envia por sms “fodasse!” (…) Sempre que há um sobressalto, um lamento, uma discordância, alguém escreve: “fodasse!” Ora a palavra “fodasse” não existe. (…) Estamos perante alguém que deseja dizer um palavrão e não consegue – o que prova que é preciso ter formação para ser malformado. (…)

A culpa, como sempre, é do Ministério da Educação. Os programas estão desajustados da realidade, como se vê. Estudam-se verbos de três conjugações, mas ignora-se a forma reflexa de um dos verbos que mais vamos usar pela vida fora.»

Na íntegra AQUI.
.

0 comments: