Páginas

7.3.17

A lenda das Três Irmãs e muita bicharada



Hoje o dia começou de novo bem cedo para se chegar às Montanhas Azuis, situadas a 50 kms a Oeste de Sydney. Parecem de facto azuis as que são vistas mais ao longe, por um fenómeno relacionado com partículas emitidas pelos abundantes eucaliptos existentes na região.

Mas há uma interessante lenda ligada a três pedras, bem visíveis de vários ângulos. Um homem passeava com as três filhas e deixou-as em determinado local para ir caçar. Entretanto, percebeu que se aproximava um monstro que as mataria e, como andava sempre com um osso mágico, usou-o para as transformar temporariamente em pedras e tornou-se ele próprio um pássaro. O monstro passou mas aconteceu o pior: o pássaro não conseguiu encontrar o osso e as raparigas ficaram para sempre pedras – as célebres Três Irmãs (imagem no topo do post). O conjunto de montanhas nesta região são de uma grande beleza, vi-as de miradouros, de um comboio e de dois teleféricos.

Mas antes disso, pelo caminho, parei no Featherdale Wildlife Park, que alberga animais da fauna australiana: cangurus e afins de todos os tamanhos e feitios, coalas, aves, répteis, pinguins minúsculos, etc., etc. O diabo da Tasmânia estava recolhido e não se mostrou e saio da Austrália sem ter visto cisnes negros, o que nunca esperei que me acontecesse.

O fim aproxima-se: amanhã passarei o dia em Sydney e depois… serão vinte e muitas horas entre a saída deste hotel e a chegada a Lisboa. Não há-de ser nada.



video




 .

0 comments: