Páginas

6.4.17

Toxicodependência bancária



Ricardo Araújo Pereira na Visão de hoje:

«Tal como sucede com o Lone Ranger, a identidade da Lone Star também é mais ou menos misteriosa. Sabemos apenas que vai tomar conta do banco coadjuvado pelo Estado – que, não tendo direito de voto, será obrigado a pagar todas as recaídas do filho, todas as novas incursões na toxicodependência, e ainda saldar dívidas antigas a traficantes do passado. O que significa que, como já desconfiávamos, nesta história, o Estado português é, obviamente, o Tonto.»

Na íntegra AQUI
.