Páginas

12.5.17

Fátima – hoje e há 50 anos



É estranho ou talvez não. Não liguei nenhuma às visitas de João Paulo II e de Bento XVI, mas a de hoje mexe comigo e não necessariamente para grandes entusiasmos. Hoje festeja-se um centenário e, exactamente há 50 anos, estive em Fátima para concretizar uma acção mais ou menos clandestina contra o salazarismo, junto de um papa – Paulo VI – que não alimentava menos esperanças de progressismo para o mundo do que Francisco, ainda na senda do Vaticano II (pouco depois, vieram as grandes desilusões, é verdade).

Não desejo tirar emoção nem esperanças a ninguém, apesar do entusiasmo alimentado pela parafernália de marketing salvífico e anestesiante dos nossos meios de comunicação, mas enfim… Para se entender de que falo, remeto para um texto que em tempos publiquei. 
.

1 comments:

Victor Nogueira disse...

Em 2017 comemoram-se 2 centenários que por razões opostas têm condicionado a "Marcha" da Humanidade: o das Aparições/Visões/Milagres da Cova da Iria/Fátma e o da Revolução de Outubro.
Ad nauseam, fala-se da 1ª em Portugal - mas não no resto do Mundo não fora a visita de Francisco ad majorem dei gloria - enquanto da outra ou se ignora ou se deturpa o seu significado. Irá o Papa a S. Petersburgo em Outubro ? Haverá "tolerância" de ponte nessa altura ?