Páginas

31.7.17

Jeanne Moreau – Deixou hoje o seu «tourbillon de la vie»



Há muitas homenagens, em publicações francesas mas não só, neste dia em que nos deixou uma das grandes senhoras do cinema francês, que fez parte da minha vida e de muitos de nós. Andei a recolher algumas delas, a recordar outras.

Com uma carreira longuíssima de actriz, realizadora e cantora, iniciada em 1950, e uma filmografia impressionante com cerca de 130 nomes listados, trabalhou com uma lista notável de realizadores, entre os quais Luis Buñuel, Wim Wenders, Michelangelo Antonioni, Orson Welles, François Truffaut, Louis Malle, etc., etc.

Já agora, de sublinhar a sua participação em Gebo et l’Ombre, de Manoel de Oliveira (2012), onde faz o papel de Candidinha.



Momentos inesquecíveis? Entre outros, evidentemente, Le Tourbillon, em Jules et Jim de François Truffaut:




Aqui, num belíssimo duo com Maria Betânia:




Com Vanessa Parados, no Festival de Cannes de 1995:




A ver, esta entrevista:


,

0 comments: