Páginas

12.9.17

Dica (625)




«O MP considera que manter aquelas 18 pessoas em funções é um perigo para a comunidade. Um perigo tanto maior - e estranha-se que o MP não o frise - quanto essa manutenção implica que lhes continua a ser autorizado o uso de força, e nomeadamente de força letal, através da arma de fogo que lhes é confiada. Portanto o que devemos ler nestes excertos é que há 18 pessoas com licença para matar atribuída pelo Estado que o MP considera um perigo para a comunidade, enquanto por sua vez a PSP considera que estão capacitadas para permanecer, armadas, ao seu serviço - e com a função de zelar pelo cumprimento da lei e pela segurança dos cidadãos.» 
.

0 comments: