7.4.18

Lula da Silva




Pense-se o que se quiser. Mas nem em pesadelos pessimistas, imaginei alguma vez assistir, em directo, ao adeus de Lula para entrar numa prisão.


.

2 comments:

Monteiro disse...

O Juiz Moro julgou segundo a sua crença pessoal e o conhecimento relativo que ele tem da vida. Não existe independência jurídica nem no Brasil nem em Portugal nem em país nenhum. O que existe são posições que se tomam conforme a filosofia do Direito de cada um ao serviço da classe dominante que lhes paga o seu salário para julgar conforme a sua vontade e ao serviço dos seus interesses de classe dominante. Isso é em si mesmo um suborno que julgamento algum consegue superar e que a História se encarregará de esclarecer e julgar definitivamente pelos seus filhos até à destruição do capitalismo que os julgará em definitivo nem que seja no cadafalso a exemplo de Luís XVI e de Maria Antonieta como exemplos de História para a Eternidade. Lula será sempre um Marco histórico na consciência de quem quer reduzir o Homem à triste condição de um apoucamento do Ser da Vida e da Verdade.

ayres esteves disse...

Tanta pressa para encarcerar Lula e destituir Dilma!!! E então não há pressa para encarcerar mais ninguém, incluindo o arquicorrupto Temer?!