23.5.12

Sem pressa, nem medo



O último «Prós e Contras», com o apelativo título «Vozes Independentes», foi uma amálgama de grupos e de organizações que falaram em paralelo, sem hipótese de verdadeiro diálogo ou confronto, a tal ponto os objectivos que se propõem são radicalmente diferentes. Mas adiante porque não é isso que aqui me traz. 

No excerto mostrado no vídeo, e embora as declarações do Tiago Castelhano sejam importantes, o que me interessa é realçar a curta intervenção de António Dores – um «perigoso» investigador do ISCTE, que conheço, nem jovem, nem mal cheiroso, sem rastas nem tatuagens visíveis (a partir do minuto 3:18). 



Quem quiser perceber um pouco o fenómeno dos chamados « movimentos sociais» terá vantagem em ouvi-lo – concorde ou não. 
.