3.12.12

Café e esmeraldas



Já foi Bagatá, «a terra fértil», antes da chegada dos espanhóis no século XVI. Hoje é Bogotá, uma cidade muito extensa, sem arranha-céus por causa dos tremores de terra, com muitas zonas verdes e um centro  popular e animadíssimo, pelo menos neste primeiro Domingo da época natalícia e das férias grandes.

Tem bairros residenciais recentes extremamente agradáveis, nos quais grande parte dos prédios é, curiosamente, em tijolo, fazendo lembrar mais a Bélgica e outros países do Norte da Europa do que vizinhos latino-americanos.

Bogotá considera-se «a Atenas d América do Sul» pela intensa vida cultural que tem (enfim, há sempre uma Veneza do Norte ou um Paris de uma qualquer outra latitude…) e é capital do país das esmeraldas e do café (e, sim, nesta viagem ainda não senti a falta de Mr. Clooney).

O seu coração bate no bairro antigo da Candelária e na Praça Bolivar, hoje invadidos por multidões em animação permanente. Muito teria para dizer, mas, como o tempo é curto, é deles que deixo algumas imagens.







...