13.1.09

Cooperação estratégica

4 comments:

jorge c. disse...

E é assim que começamos a dominar o mundo. Bem tentámos o cérebro de cientistas e filósofos como Damásio ou Lourenço. Mas cedo percebemos que é o nosso instinto animal que dá cartas lá fora.

Björn Pål disse...

O exemplar da esquerda tem um porte digno, aparenta afabilidade e decerto que será sempre um bom embaixador do melhor que há em Portugal.
O exemplar da direita... bom, será decerto um característico representante dos exemplares mais a tender para o Neanderthal que povoam este país. É um excelente embaixador da cultura rasca e do mau gosto que afligem uma boa parte da populaça. Fica bem ao lado do regente da ilha dele...

A Presença das Formigas disse...

Então não é caso para estarmos todos felizes?
Hoje é só boas notícias: depois de Ronaldo como futebolista do ano, parece que o Primeiro Cão também vai ser português

Maria Velho disse...

Felicíssimos!!! ora bolas! quem seríamos em o CR7??? e um cão de água português na Casa Branca? the best of the best!
Não caibo em mim de euforia.

Acho que vou pedir férias ao abrigo do artigo, ainda não homologado, de patriotismo saloio!

O Obama ainda não decidiu que cão escolheria, o CR7 não sabe falar e lê livros, oferecidos pelo Artur Agostinho, cujo nome não se lembra e que recorda depois de lhe "avivarem" a memória(em directo no canal 1 da televisão nacional). Palavras para quê? Um artista português, e certamente ainda usa pasta medicinal Couto...
quanto ao cão, o prestígio será com toda a certeza para o presidente dos states.
Há lá coisa más linda que um cão de água, ou um SRD português(eses)?