22.11.17

INFARMED



Isto é uma pergunta sincera e até fui à net procurar elementos que me ajudassem a perceber qual poderá ser a vantagem significativa para uma cidade como o Porto, ou como Lisboa, de albergar uma empresa como esta.

Se se tratasse de uma nova instituição, eu entendia. Se fosse para tentar combater a desertificação do interior, deslocando o INFARMED para uma cidade mais pequena, também. Mas assim? O Porto «precisa» disto? E quanto se vai pagar em euros e em sacrifícios pessoais com esta mudança? Qual é a relação custo/benefício?

E depois lê-se isto. Pobre país!

.

1 comments:

esteves, ayres disse...

Quem se deveria estalar no Porto , era este governo do PS do Costa, uma coisa eu não via, era todos os dias, ver passar, os ministros, secretários estados e seus assessores em carros de alta cilindrada, pagos por todos nos.. No Porto andavam de burro ao a pé...!