30.7.08

Por montanhas e lagos

Com gelo e sem gelo, com rios e cascatas, dizem os folhetos que as Montanhas Rochosas do Canada' nasceram no fundo do mar ha' 200 milhoes de anos e que continuaram a formar-se ate' ha' 25 milhoes - nenhuma razao para duvidar... Ai' as vi hoje, imponentes, de formas variadas, unicas no genero.

Mas todos os lugares comuns sao poucos para falar da beleza dos lagos. Enquadrados em paisagens de luxo, com aguas de todos os tons de azul e de verde, que geralmente nao se misturam e que dependem, fundamentalmente, da quantidade de "farinha" das rochas que arrastam. (Prometo fotografias, correndo o risco de que se parecam com pifias folhas de calendario...)

As distancias sao grandes e longas as horas de estrada. Mas quando os carros encostam 'a berma, e' garantido que ha' urso preto a ser visto por perto.

Sempre pinheiros, milhoes de pinheiros. Isto seria o paraiso para o D.Diniz, mas ja' tenho a minha conta e espero nao dar de caras com mais nenhum antes da arvore de Natal.

Entretanto, aproxima-se fatidicamente a hora do regresso 'a discussao sobre a Quinta da Fonte...

2 comments:

Cristina GS disse...

Quem sabe, purificada pelas águas dos glaciares, vai discutir melhoer estas outras fontes menis límpidas?. Abraço

Joana Lopes disse...

Já cá estou, Cristina - duas semanas passam depressa.
Abraço