18.10.14

5 lições e moral da história



Adaptação de uma «fábula» recebida por mail:

Ladrões entraram num banco numa pequena cidade e um deles gritou: «Não se mexam! O dinheiro pertence ao banco mas as vidas são vossas». Imediatamente todas as pessoas se deitaram no chão em silêncio e sem pânico.

Uma das mulheres estava deitada no chão de uma maneira provocante. Um dos assaltantes aproximou-se dela e disse: «Minha senhora, isto é um roubo e não uma violação. Por favor, procure agir em conformidade».

No decorrer do assalto, o ladrão mais jovem (que tinha um curso superior) disse para o assaltante mais velho (que tinha apenas o ensino secundário completo): «Olha lá, se calhar devíamos contar quanto é que vai render o assalto, não achas?». O homem mais velho respondeu: «Não sejas estúpido! É uma data de dinheiro e por isso vamos esperar o Telejornal para descobrir exactamente quanto dinheiro conseguimos roubar».

Após o assalto, o gerente do banco disse ao seu caixa: «Vamos chamar a polícia e dizer-lhes o montante que foi roubado». «Espere», disse o caixa «antes de fazermos isso vamos juntar os 2 M € que tirámos há alguns meses e dizemos que esse valor também foi roubado no assalto de hoje».

No dia seguinte, foi relatado nas notícias que o banco tinha sido roubado em 3 M €. Os ladrões contaram o dinheiro mas encontraram apenas 1 M €. Um deles começou a resmungar: «Nós arriscamos as nossas vidas por 1 M € enquanto a administração do banco rouba 2 M € sem pestanejar e sem correr riscos? Talvez o melhor seja aprender a trabalhar dentro do sistema bancário em vez de ser um simples ladrão».
,
.