8.10.19

Manuela Silva



Conheci-a há muito, muito tempo, embora nunca tenha trabalhado com ela directamente.

Mas a última vez que estivemos juntas foi há uma meia dúzia de anos, por causa de uma Petição contra a Pobreza, quando fomos ambas, juntamente com José Manuel Pureza e José Soeiro, entregá-la a Assunção Esteves, então presidente da AR. Seguiu-se daí a algum tempo uma discussão na Comissão que abrangia o assunto, onde já estivemos só as duas, e onde a Manuela demonstrou, como sempre, uma firmeza e uma calma desarmantes, na argumentação que sabíamos que iria acabar por ser estéril, mas a que deveres de cidadania obrigavam. Já frágil, sempre sorridente.

Foi uma lutadora por causas toda a vida. Menos uma.
.